DOCUMENTOS ON-LINE

Possibilitamos a qualquer usuário utilizar-se de nossos formulários para gerar alguns documentos on-line através de nosso site.

Clicando no título do documento desejado será exibida uma página onde você preencherá alguns campos e, após completar o preenchimento, bastará clicar em “Gerar Documento” e ele será criado automaticamente em uma nova página e você poderá imprimi-lo utilizando a opção imprimir do seu navegador.

Segue abaixo a lista dos documentos disponíveis até o momento. Clique no título:

 Carta de Advertência

Trata-se de carta para advertir o funcionário quando do cometimento de alguma falta leve, que prejudique o trabalho ou não esteja de acordo com o contrato de trabalho, mas que não seja motivo suficiente para levar o empregado a ser dispensado por justa causa.

 Contrato de Experiência

Trata-se do contrato de experiência quando da admissão do funcionário. Pode ter duração máxima de 90 dias de acordo com a C.L.T. ou menos, de acordo com a convenção coletiva da categoria que representa o(a) empregado(a). Atenção: O contrato de experiência não desobriga o registro do(a) empregado(a), que deve ser feito desde o primeiro dia de trabalho.

 Carta de Suspensão

Trata-se de carta para suspender o empregado que, após ter sido advertido por escrito, cometer nova falta.

 Aviso Prévio do Empregador para Dispensa do Empregado

Trata-se do ‘famoso’ aviso prévio, quando a empresa dispensar o funcionário, sem justa causa, comunicando-lhe que dentro de 30 ou mais dias, dependendo do tempo do vínculo empregatício cessará o contrato de trabalho.

 Aviso Prévio Indenizado

Intitulamos desta forma para melhor entendimento. Na verdade este documento não se trata de Aviso Prévio e sim do comunicado de dispensa imediata do empregado, sem justa causa, ocasião em que o aviso prévio deverá ser pago como indenização.

 Pedido de Demissão por Parte do Empregado, com Aviso Prévio a Cumprir

Trata-se do pedido de demissão do empregado, quando este for cumprir o aviso prévio.

 Pedido de Demissão por Parte do Empregado, sem Cumprimento do Aviso

Trata-se do pedido de demissão do empregado, com desligamento imediato, sem cumprimento do aviso prévio e autorizando o empregador a efetuar o desconto do valor correspondente ao mesmo de suas verbas rescisórias.

 Declaração de Trabalho

Não é raro o empregado solicitar à empresa uma declaração de trabalho. Isso normalmente ocorre quando o mesmo é estudante e necessita de tal documento para efetuar matrícula em estabelecimento de ensino. Esta declaração serve para esse fim.

 Carta de Referência

Trata-se de carta normalmente solicitada por ex-funcionários, quando estão para ser admitidos em nova empresa e esta exige tal documento. Algumas entidades sindicais de empregados tornaram a confecção deste documento obrigatória quando do desligamento do funcionário.

 Preposição para Homologação

Trata-se da carta para nomear preposto que representará a empresa no ato da homologação de funcionário.

 Procuração para Órgãos Públicos

Quando a empresa será representada em algum órgão público, por pessoa que não seja sócio da mesma, é necessária a nomeação do procurador para este fim. Este documento tem essa finalidade.

 Carta para Cancelamento de Serviços Contábeis

Quando o empresário resolve cancelar os serviços contábeis que mantém com o Escritório Contábil ou Contabilista, é prudente que este faça a comunicação deste fato por escrito, inclusive solicitando que seja marcada a data em que o Escritório ou Contabilista fará a entrega dos documentos da empresa. Esta carta cumpre este procedimento.

 DARF

Aqui você preenche o DARF comum. Lembramos que o formulário on-line não realiza qualquer tipo de cálculo nem valida campos do documento, portanto é interessante a conferência completa do mesmo após a impressão.

 Declaração de Optante do Simples para fins de não retenção da CSLL, COFINS e PIS/PASEP, de acordo com o Artigo 30 da Lei 10.833

A partir de fevereiro/2004, os pagamentos efetuados por pessoas jurídicas a outras pessoas jurídicas, referentes a serviços tomados devem sofrer a retenção de 4,65%, englobando a CSLL, a COFINS e o PIS. As empresas optantes do SIMPLES ficam isentas destas retenções desde que, para tanto, apresentem declaração, em 2 vias, que acompanhe a nota fiscal até o seu destinatário, que reterá uma delas e a outra será protocolada e devolvida ao emitente. Esta declaração está aqui disponível.

 Carta de Correção de Notas Fiscais

Trata-se da famosa carta de correção de notas fiscais, que é usada pelas empresas para sanar irregularidades neste tipo de documento fiscal.

Comente Pelo Facebook

Comentários